Muito “Além da Deficiência”

A abertura do 7º Seminário de Inclusão, 3º Seminário de Educação Física Adaptada da Uniplac e 6º Encontro pelos Direitos da Pessoa com Deficiência, “Muito Além da Deficiência”, contou com a palestra de Eduardo Torto: “Inclusão, um processo de transformação permanente”.

Mais de 600 pessoas entre acadêmicos, professores, gestores e comunidade em geral, prestigiaram o evento. “Dia 21 de setembro é o Dia Nacional de Luta pelos Direitos da Pessoa com Deficiência, então este evento vem como uma reflexão de transformação para todos”, afirma a Professora Vivian de Oliveira, coordenadora do curso de Psicologia e coordenadora geral da organização do seminário. “O mais importante não é o Seminário em si, mas o movimento que é feito para depois, para além dessa semana, um mundo realmente livre de preconceito, com mais efetividade de direitos, e onde as leis que protegem as pessoas com deficiência sejam realmente efetivadas”.

A Professora Cristina Sutil, coordenadora das oficinas de Educação Física, ressalta que a união dos seminários a cada ano ganha mais força. “Nosso principal objetivo é que alcancemos o maior número de pessoas, tornando esse evento de relevância regional e estadual. Queremos abraçar todas as deficiências, tanto que já temos um prognóstico para a próxima edição trazendo outras expectativas”, afirma.

O destaque do primeiro dia de Seminários foi a presença de Eduardo Torto Meneghelli, catarinense, poeta, escritor, pai de dois filhos, técnico em habilitação básica de construção civil, fundador e idealizador da Academia de Letras de Balneário Camboriú, Pedagogo, mestre em Educação e tetraplégico desde seu nascimento. Em sua palestra, ele contou como aprendeu a encarar as diferenças que acabaram se transformando em energia, garra, vontade de viver, atitude e determinação. “Quero com meu trabalho mostra como é o ser humano. Mostrar que somos uma diversidade completa, e por isso precisamos considerar todo ser humano com ou sem deficiência como um todo”, diz ele que se emocionou ao ver mais de 500 jovens engajados na luta pela acessibilidade. “Isso mostra que a sociedade e o país estão mudando. Nós pessoas com deficiências estamos nesta batalha há muitos anos, e o grande recado que deixo aos acadêmicos da Uniplac é que percebam realmente que nós humanos temos algo em comum. Todos respiramos, temos alma e temos vida.... E se todos nós temos vida, nós temos que pelo menos respeitar o nosso próximo”.

Representando o Reitor Professor Kaio Amarante, a Pró-reitora de Pesquisa, extensão e Pós-graduação da Uniplac, Lilia Kanan, ressaltou a importância do evento como uma consolidação de uma proposta séria e efetiva de inclusão das pessoas com deficiência. “A Uniplac tem espaços e programas de inclusão, mas o mais importante é que temos pessoas interessadas em tornar a acessibilidade uma realidade. Atualmente temos muitas leis que protegem a inclusão, porém mais do que leis precisamos de atitudes e de ações respeitosas e inclusivas. Por isso esse evento aqui dentro da Universidade só vem a reforçar nosso compromisso social com as demandas que vem da sociedade”, conclui.

A Professora Vivian, fez questão de ressaltar que a inclusão é um processo de transformação permanente, e não é um dia, um momento. “O processo precisa ser constante. Por isso o curso de psicologia tem parceria com a Comissão Institucional de Acessibilidade e com o Conselho Municipal de pessoas com deficiência, e juntos viemos em uma crescente de ações. Tanto que nesta sexta, 20 de setembro, estaremos no Terminal Urbano das 10h às 16h, com uma amostra das entidades. Todas as entidades que atendem pessoas com deficiência estarão lá apresentando seus serviços e atividades. Desde já convido toda a comunidade”.

O evento “Além da deficiência” segue com sua programação até sexta, 20 de setembro. Tanto a comunidade interna como externa da Uniplac podem participar das atividades. “Nosso objetivo é alcançar o maior número pessoas que reflitam sobre esta causa, ocorrendo transformação cultural, através de uma consciência inclusiva. Estaremos fazendo as inscrições no local das atividades. Esperamos todos que querem abraçar essa causa”, convida Vivian.

 

Programação:

 

Data: 18/09- Quarta-feira

Turno: Vespertino

Horário: 15h às 16h

1. Minicurso: “DEFICIÊNCIA? EM QUE MEDIDA?”

Ministrante: Marcilene A. Alberton Ghisi - Associação Catarinense de Integração ao Cego-ACIC-Florianópolis/SC

 

Horário: 16h às 18h

Local: Uniplac - Sala Práticas Corporais - Bloco Centro de Ciências da Saúde

2. Oficina: “Dança - Possibilidades para Todos os Corpos”

Ministrante: Mara Cristina Cordeiro e Bailarinos da Associação Catarinense de Integração ao Cego-ACIC-Florianópolis/SC

 

Turno: Vespertino

Horário: 14h às 16h

Local: Ginásio de Esportes da APAE - Lages/SC

3. Bocha Adaptada

Ministrante: Elizabeth Albano-Betinha – Barra Velha/SC

 

Data: 18/09- Quarta-feira

Turno: Noturno

Horário: 18h40min

Local: Bloco do Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas - CCET

Roda de Conversa: Experiências de Pessoas com Deficiência  

Mediador: Prof. Luiz Henrique Zart​

Palestra: Sinais de Atraso no Desenvolvimento

Palestrante: Dra. Geciely Munaretto​

Local: Bloco do Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas - CCET

 

Data: 19/09- Quinta-feira

Turno: Vespertino

Horário: 13h30min

Local: Esquadrão de Polícia Montada - Cavalaria de Lages/SC

Atividade 1: Acompanhamento de Sessão de Equoterapia

 

Atividade 2: Equoterapia para Pessoas com Deficiência

Horário: 15h30min

Local: Sala de Estudos do Esquadrão de Polícia montada - Cavalaria de Lages/SC

Mediadores: Professor Especialista: Fabrício Marcelo Matos e Fisioterapeuta: Raphael Santos Liz – Lages/SC

 

Data: 19/09- Quinta-feira

Turno: Noturno

Horário: 18h40min

Local: Salas de aula da Uniplac

 

1. Minicurso: Orientação e Mobilidade

Ministrante: Prof. Especialista: Eliane Alves

 

2. Minicurso: Avaliação de Aprendizagem de Alunos Público-Alvo da Educação Especial

Ministrantes: Professoras Mestras: Eri Cristina Campos​, Lucia Burigo de Sousa​ e Vanir Peixer Lorenzini​

 

3. Minicurso: Atividades Físicas Adaptadas

Ministrante: Professor de Educação Física e Atleta da ASDEF: Edilson Pereira-Bastião

Fone: 55 49 32511022
Av. Castelo Branco, nº170, Bairro Universitário - Lages - SC - Brasil
© 2019 - Universidade do Planalto Catarinense, desenvolvido por: Núcleo de Informática